Um singelo espaço de reflexão pessoal. Lugar de afectos, espiritualidade e outras coisas da vida.

16
Jul 02

 

 
 As férias são um direito que deve ser exercido para descanso do corpo e fortalecimento do espírito.
A família e os amigos devem procurar encontrar-se no período de férias, de modo que estas se tornem repousantes e agradáveis, culturais e divertidas, quanto baste. Caso contrário, de férias, só restará o nome.
Os tempos de lazer devem ser ainda ocupados no enriquecimento mútuo e na partilha de dons e tarefas comuns, reservando-se um lugar especial para o encontro com Deus.
Depois de um ano de trabalho, de lutas e canseiras, êxitos e fracassos, é bom caminhar mais lentamente para retemperar forças, reflectir e preparar o novo ano.
O tempo de férias, tendendo para uma dispersão de actividades e de mudança, não nos deve contudo dessintonizar do essencial e que dá sentido à nossa existência: “ a vida de Deus em nós”.
É tempo de férias. Os nervos distendem-se; o sorriso é mais fácil e somos impelidos a ser mais tolerantes, simpáticos e solidários.
Novos horizontes conduzem-nos e integram-nos na ambiência doutros filhos de Deus.
Por isso, é tempo de anunciar Jesus, dando Dele testemunho com atitudes de vida, palavras e modo de agir. Só assim, permaneceremos unidos a Jesus durante as férias.
Ele está sempre presente. Não nos afastemos nós d´Ele.
Boas férias.
 
 
 
publicado por aosabordapena às 15:10
tags:

Julho 2002
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26

28
29
30
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

as minhas fotos
As minhas visitas
counter customizable Exibir My Stats
mais sobre mim
pesquisar