Um singelo espaço de reflexão pessoal. Lugar de afectos, espiritualidade e outras coisas da vida.

12
Abr 00

  

   O pensamento de Ozanam acerca do melhor procedimento, no desempenho da sua missão, como historiador cristão, assenta em duas premissas. Primeiro, que a convicção seja livre e inteligente, e o Cristianismo não deseja outra coisa. S. Paulo pede que esta adesão seja racional. Segundo, que o desejo de justificar uma crença não conduza à desfiguração dos factos ou à omissão dos testemunhos.

   Com base nestes pilares, trabalha intensamente e empenha-se em mostrar ao mundo a obra civilizada do Cristianismo.

   Remexe arquivos, carrega-se de notas, transcreve textos, anda de biblioteca em biblioteca, procurando documentos inéditos que investiga escrupulosamente.

   Durante uma viagem que fez à Itália, em 1847, Ozanam através das investigações que efectua, sobre o movimento religioso inaugurado por S. Francisco de Assis, sente reforçado o entusiasmo pela sua vida e obra.

   S. Francisco amava a Deus e aos pobres, e este era também o seu programa de vida. Este sonho franciscano vai encher a sua alma e o seu coração tão sensível.

   A par da sua vida familiar e das múltiplas actividades em que está envolvido e a que se entrega, com generosidade, nomeadamente, a de docente e de historiador cristão, Ozanam, ainda encontra tempo para, todos os domingos, se reunir com os operários, para lhes explicar o sentido do seu destino e a acção de Deus nas suas vidas.

   Entretanto, a Sociedade de S. Vicente de Paulo continua imparável, contando em 1845, com 9000 membros.

   Ozanam, embora tivesse recusado a sua presidência “era a sua alma, a alma pensante e irradiante”.

   Recomenda “que se evitasse o farisaísmo, a estima exclusiva de si mesmo, a imposição de exigências e de práticas, a filantropia verbal, a burocracia”.

   Como os seus conselhos continuam actuais! A sua vida de amor à verdade e ao trabalho, vida de fé e de amor aos mais desfavorecidos, é para os vicentinos, um exemplo a seguir, uma forma peculiar de ser cristão nos dias de hoje.

 
 
publicado por aosabordapena às 15:21

Abril 2000
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

as minhas fotos
As minhas visitas
counter customizable Exibir My Stats
mais sobre mim
pesquisar