Um singelo espaço de reflexão pessoal. Lugar de afectos, espiritualidade e outras coisas da vida.

18
Jan 00

 

 

É este mês de Janeiro consagrado a Santa Maria Mãe de Deus e da liturgia podemos extrair, para reflexão, alguns acontecimentos que evidenciam as virtudes daquela que “achou graça diante de Deus”.

Maria, submissa à vontade de Deus, admirada com tudo o que diziam de seu recém-nascido Filho, anfitriã de pastores e de reis magos. Maria aconchegando o Menino na manjedoura da gruta de Belém que “conserva todas estas coisas, ponderando-as no seu coração”. Maria, humilde e pobre, sem lugar na hospedaria e que “oferece em sacrifício ao Senhor um par de rolas ou duas pombinhas”, Maria, mãe receosa pelo que possa acontecer a seu divino Filho e que foge, pressurosa, para o Egipto, protegendo a sua vida, da raiva assassina de Herodes.

Exemplos maravilhosos de conduta que a Mãe de Deus e nossa mãe nos proporciona:

- Vida de obediência à Lei de Deus e de aceitação da condição humana, na riqueza ou na pobreza, na dor ou na alegria, na doença e na saúde.

- Vida, vivida solidariamente, sem discriminação de pessoas, pois todos “já não somos servos mas filhos de Deus”.

- Vida, vivida em comunhão íntima com Deus. Com Deus na boca, mas sobretudo no coração.

- Vida, testemunho da primeira das bem-aventuranças, em que o espírito de pobreza está antes de tudo; espírito de partilha com os mais desfavorecidos e repúdio pela ostentação e mau uso da riqueza.

- Vida, testemunho de fé que, para sua defesa e afirmação, não hesita em suportar sacrifícios, contrariedades, desilusões e mal entendidos.

Façamos como Maria. Ponderemos todas estas coisas no nosso coração e peçamos-lhe a coragem necessária para as implementarmos na nossa vida.

 

 


12
Jan 00

 

 
   Confrontado com cerrados ataques à sociedade cristã do seu tempo, por esta ver na esmola, uma forma de fomentar a pobreza, Ozanam responde de maneira nobre, sem atacar os seus adversários, contrapondo com a beleza do seguinte texto que vale a pena meditar: “A esmola é a retribuição dos serviços que não recebem salário. Porque, aos nossos olhos, o indigente que assistimos nunca será o homem inútil que vós supondes. Nas nossas crenças, o homem que sofre, serve a Deus, serve também a sociedade, como aquele que reza.
   Aos nossos olhos, cumpre um ministério de expiação, um sacrifício cujos méritos recaem sobre nós; temos menos confiança para abrigar as nossas cabeças sob o pára-raios dos nossos telhados do que sob a oração desta mulher e destas crianças que dormem sobre um molho de palha, num quarto andar.
   Não digais que, se consideramos a miséria como um sacerdócio, a queremos perpetuar; a mesma autoridade que nos assegura que pobres, sempre os haverá, também nos ordena que façamos tudo para que não os haja mais”.
   Estas palavras de Ozanam tiveram o condão de repor no seu devido lugar, o verdadeiro sentido da esmola, esse gesto de amor que consubstancia a caridade para com o próximo, a fé em Deus e o amor infinito de Deus para com os que a recebem e os que a praticam.
   O mérito de Ozanam e dos seus amigos foi o de ter querido reabilitar o pobre, que, sendo também filho de Deus, é um homem que merece como qualquer outro, consideração e respeito.
   Num mundo de egoísmo e materialismo declarados, não hesitaram em viver a sua fé, alimentando-a com obras de caridade.
   Tal estratégia surtiu efeito e encontrou eco ao longo dos tempos.
   Hoje, centenas de milhar de vicentinos sentem-se reconhecidos diante do Senhor, pelo exemplo de tenacidade que estes jovens de vinte anos, agrupados à volta de Frederico Ozanam lhes proporcionaram e cujo espírito de caridade acolheram, dando continuidade à sua obra, pois a caridade, além de não ter fronteiras, é uma virtude perene que muito agrada a Deus.
publicado por aosabordapena às 15:43

08
Jan 00

 

 

 

 

 

                          

 

No passado mês de Outubro, o Santo Padre João Paulo II, proclamou como Padroeiras da Europa, Santa Edite Stein, Santa Catarina de Sienna e Santa Brígida da Suécia.

O continente europeu vê, assim, acrescidos aos seus Santos protectores, São Benedito de Nórcia, pai das ordens de monges ocidentais e dos dois irmãos Cirilo e Metódio, apóstolos dos povos eslavos, os rostos femininos acima enunciados.

Com este gesto, pretendeu o Papa sublinhar o grande papel que as mulheres tiveram e têm na história da vida da Igreja e na vida social, de que são as principais obreiras, cujos méritos nem sempre foram reconhecidos e exaltados.

Edite Stein, proclamada santa pelo próprio João Paulo II, era uma mulher de origem hebraica, convertida ao catolicismo e que deixou uma carreira brilhante de cientista para se consagrar à vida religiosa com o nome de Teresa Benedita da Cruz. Morta no campo de extermínio de Auschwitz, “ela é sem dúvida um símbolo dos dramas desta Europa”.

Brígida da Suécia e Catarina de Sienna, que viveram no séc. XIV, dedicaram as suas vidas à resolução dos problemas que afligiam a Europa dos seus tempos.

Brígida, consagrada à vida religiosa, depois de ter sido esposa e mãe feliz, percorreu a Europa, do Norte a Sul, dedicando-se à união dos cristãos.

Catarina trouxe a paz à sua conflituosa cidade – Sienna, na Itália, e conseguiu que o Papa deixasse Avignon, como sede pontifícia e voltasse a Roma.

Os seus exemplos de vida e acção constituem fonte de “inspiração para os cristãos e para as comunidades de todas as crenças e religiões, assim como para os cidadãos e Estados europeus, sinceramente empenhados na procura da verdade e do bem comum”.

Nestes tempos conturbados, em que a Europa continua dilacerada pelas feridas da guerra, pelo ressurgimento de ideias xenófobas, pela atrocidade inaudita das limpezas étnicas, peçamos às novas Santas Padroeiras europeias que influenciem os políticos, no sentido da paz e do bem-estar e conduzam todos os cidadãos europeus à sua renovação moral e cristã.

 

 

 

publicado por aosabordapena às 15:15

Janeiro 2000
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
13
14
15

16
17
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
as minhas fotos
As minhas visitas
counter customizable Exibir My Stats
mais sobre mim
pesquisar