Um singelo espaço de reflexão pessoal. Lugar de afectos, espiritualidade e outras coisas da vida.

01
Dez 09

 

Nasci.

Dom de Deus

A meus pais.

E esse pequeno nada

Fez-se tempo

Fez-se lar

Árvore com frutos

A vicejar.

Hoje é Outono.

Outono da vida.

E continuo

A ser nada.

Um nada

Ora enriquecido

E embalado

Pelo dom deste momento

E aquecido

Pelo calor do teu olhar.

publicado por aosabordapena às 17:19

Que inveja... também quero! Beijinhos paizinho!
Anónimo a 4 de Dezembro de 2009 às 16:32

Dezembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
17
18

20
21
22
23
24
25
26

28
29
30
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

as minhas fotos
mais sobre mim
pesquisar