Um singelo espaço de reflexão pessoal. Lugar de afectos, espiritualidade e outras coisas da vida.

04
Fev 03

 

Fátima, 13 de Maio de 2000. Os olhos e os corações dos portugueses estão sintonizados com Fátima. O ambiente era de exaltação e júbilo. Dois dos seus filhos iam ser elevados à honra dos altares –

Francisco e Jacinta Marto.

Apesar da idade avançada, apesar da debilidade física, João Paulo II ultrapassou todas as dificuldades, e veio pela terceira vez ao Santuário da Cova da Iria. Peregrino e devoto agradecido à

Virgem a quem agradece a vida, e para beatificar os pastorinhos.

Uma data sem dúvida memorável, que ninguém vai esquecer.

Recordemos as palavras de Sua Santidade:

“A Igreja quer, com este rito de beatificação, colocar sobre o candelabro estas duas candeias que Deus acendeu para alumiar a humanidade, nas suas noites sombrias e inquietas”.

Neste sentido e com o intuito de contribuir para aprofundar a sua devoção e pedir ao Senhor que apresse a sua canonização, recordamos que é no dia 20 de Fevereiro que se celebra o seu dia, ocasião propícia para relembrar as palavras que a Virgem Santíssima lhes dirigiu: “Rezai, rezai muito e fazei sacrifícios pelos pecadores, que vão muitas almas para o inferno por não haver quem se sacrifique e peça por elas”.

Francisco Marto nasceu em Fátima a 11 de Junho de 1908, e aí morreu a 4 de Abril de 1919, com 11 anos incompletos.

A sua pena era ver Jesus ofendido; o seu ideal consolá-Lo.

Passa horas seguidas na igreja, sozinho, ou retira-se para lugares solitários a fim de consolar Nosso Senhor. Pouco antes de morrer disse: “vou no céu consolar muito a Nosso Senhor e Nossa Senhora”.

Jacinta Marto, nascida também em Fátima a 11 de Março de 1910, faleceu num hospital de Lisboa a 20 de Fevereiro de 1920, com quase 10 anos.

A sua vida resumiu-se nisto: “rezar e fazer todos os sacrifícios possíveis para converter os pecadores e desagravar o Coração Imaculado de Maria”.

Muito sucintamente, estas são as características da espiritualidade dos Videntes de Fátima: a ânsia de consolar Jesus e o oferecimento de orações e sacrifícios pela conversão dos pecadores.

Que eles nos alcancem de Jesus e do Coração Imaculado de Maria que tanto amaram, as graças que lhes pedirmos por sua intercessão.

 

publicado por aosabordapena às 18:03

08
Jun 00

 

 

Os dias 12 e 13 de Maio do ano 2000 ficarão na história da Igreja e do País, como marcos indeléveis e irrepetíveis.

A vinda, pela terceira vez, de Sua Santidade, o Papa João Paulo II, a Portugal, a beatificação dos dois irmãos, Francisco e Jacinta Marto, e a revelação da terceira parte do segredo de Fátima, foram pontos altos da 83ª Peregrinação comemorativa das Aparições, na Cova da Iria.

Os 650.000 peregrinos, representantes de 21 países, que foram testemunhas de gestos e sinais sem precedentes, protagonizados por João Paulo II, não olvidarão, tão depressa, esta jornada memorável de afirmação de fé e de alegria.

Um frémito caloroso de emotividade percorreu a imensa multidão concentrada no Santuário, quando o Papa apareceu na Cruz Alta.

Os cânticos, o desfraldar das bandeiras, os braços acenando, a satisfação estampada nos rostos, os vivas e saudações, transformaram a realidade temporal envolvendo num ambiente de euforia a que o Papa correspondia, acenando com ternura.

O seu semblante sereno, o seu sorriso e o seu olhar paternais calaram fundo no coração de todos.

A sua imagem física, denotando, simultaneamente, sofrimento, coragem e vontade de querer estar, ficará, indelevelmente, na retina de todos os que a puderam visualizar.

Chegado à Capelinha das Aparições, onde, como peregrino, vem agradecer à Virgem o dom da vida, são solicitados uns minutos de silêncio e feito um convite para acompanhar o Papa na sua oração. Um calafrio percorreu o recinto. O silêncio era total. O coração de todos, as preces no silêncio das almas, unem-se ao Papa, durante seis preciosos minutos, após o que, ele próprio convida para rezar em conjunto uma Avé Maria.

De joelhos em terra, é o primeiro sinal de comunhão que a todos une e toca profundamente e que, por certo, muito terá sensibilizado a Senhora de Fátima.

Segue-se outro gesto de profundo significado. João Paulo II levanta-se e caminhando com esforço, deposita junto à Virgem um anel que lhe havia sido oferecido, aquando da sua sagração papal.

É a entrega total do seu pontificado, o tudo da sua vida, ali doado à Virgem.

Terminado o primeiro dia, João Paulo II recolhe à Casa de Nossa Senhora do Carmo, onde pernoita e recupera forças para o dia seguinte.

Os peregrinos, após as cerimónias, permanecem no Santuário, defendendo o metro quadrado onde se situam e que lhes iria proporcionar o melhor local para assistir à proclamação solene da Beatificação dos Pastorinhos, a qual ocorreu, eram exactamente 9 horas e 54 minutos.

Grande ovação ecoou nos céus de Fátima. Francisco e Jacinta são declarados Beatos e a sua festa é fixada no dia 20 de Fevereiro. A Igreja ficou mais enriquecida e a irmã Lúcia sorriu docemente.

Na homilia da celebração eucarística, o Sumo Pontífice realçou a importância da educação das crianças, e realçou o comportamento de Francisco e Jacinta, que apontou aos milhares de crianças de diferentes regiões do País ali presentes, como exemplos, e recordou os males e as muitas vítimas do último século do segundo milénio.

Terminada a Eucaristia, aconteceu um duplo adeus: adeus à Virgem, mais uma vez repetido na Cova da Iria, mas, que, nem por isso, deixa de constituir um dos seus sinais mais expressivos e sempre comovente, com centenas de milhares de lenços brancos acenando à Senhora de Fátima, num gesto de súplica e gratidão. O outro adeus, foi ao Papa, que ouviu os peregrinos cantar-lhe os “parabéns a você” antecipados, do seu 80º aniversário natalício.

Visivelmente feliz, o Santo Padre corresponde, abençoando.

É a hora da despedida. A multidão começa a movimentar-se e o recinto, paulatinamente, esvazia-se, sob o olhar atento das duas crianças recém beatificadas.

 

 

 

 


Março 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

as minhas fotos
As minhas visitas
counter customizable Exibir My Stats
mais sobre mim
pesquisar